Páginas

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Saudade e desapego.

Não posso começar de outra forma, primeiro tenho que lhe dizer muito, muito obrigado.
Obrigado por me ajudar a caminhar sobre chamas, a voar em tempestade. Obrigado também por me emprestar suas costas largas e seus braços fortes, agora são totalmente seus, não precisa fazer nada em dobro pra me ajudar.
Agradeço também pelos tantos conselhos e pela mão estendida quando precisei. Obrigado por enxugar minhas lagrimas e por se preocupar com minha dor.
Então meu anjo, saiba que por onde eu estiver eu estarei com você.
Jet'aime.

Ps. me desculpem por ter sido tão clichê ultimamente só escrevendo sobre saudade,é que esse silêncio dentro de mim tem sido a fonte das minhas palavras.

7 comentários:

Daniela Filipini disse...

Quando sentimos saudade, é inevitável cita-la!

Bami disse...

Saudade, como é ruim... Dá aquela vontadezinha de voltar no tempo e reviver aqueles momentos.
Bjooss

Erica Ferro disse...

É preciso preencher a falta, para o coração não doer.

Beeijo.

Elisa Mucida. disse...

Ah, saudade. Um sentimento ruim e ao mesmo tempo tão bom pra gente valorizar as coisas ne? Amei o texto, ameei seu blog, já to seguindo.

Beeeeijos

- eeeeeii disse...

a saudade persegue todos, eu acho! (: HOHO

LuanaGuimarães disse...

aaaaa 'bendita' saudade ... fonte de inspiração ela né ? haha .. lindo o post ! bjao e bom finds !

Bami disse...

Tem selinhos pra vc lah no blog!
Bjooss